Muita magia na Lua Cheia de Escorpião

Temos espetáculo hoje no céu: a Lua Cheia em Escorpião deste sábado é um show à parte. A magia está no ar – literalmente.

A poderosa Lua Cheia de maio tem grande relação com o Buda, e em 2019 ela é especial (Mattia Faloretti/Unsplash)

Comecemos pelo início. Tradicionalmente, a Lua Cheia de Escorpião é considerada uma das mais poderosas para liberar, limpar e transformar nossa vida. Isso porque Escorpião rege a morte, o renascimento e a transformação espiritual. A Lua também rege processos inconscientes e emocionais. Uma combinação poderosa mesmo.

Sob a luz da Lua Cheia de Escorpião, todos nós receberemos um convite para pensarmos onde podemos nos despir das camadas de verniz social para revelar mais do nosso verdadeiro eu autêntico. Raios de luar vão perfurar nossas máscaras, nossos casacos pesados, nossos fardos e nos ajudar a soltar e jogar toda essa tranqueira no chão.

Sim, porque é uma tranqueira. Ela nos tranca a vida que queremos viver. A rigor, essa tranqueira impede que vivamos a vida de verdade, a nossa verdade de quem realmente somos. É hora de respirarmos fundo e deixarmos ir embora tudo que não tem mais lugar no nosso tempo, no nosso ambiente físico e emocional – na nossa vida

Todas as Luas Cheias são um momento poderoso para liberar e deixar ir, pois elas iluminam nosso inconsciente, trazendo à tona toda nossa bagagem emocional. Devemos ter isso em mente e nos conscientizarmos que a Lua Cheia de Escorpião é uma época em que podemos nos aprofundar e descobrir o que está nos segurando, o que está nos afligindo e o que precisamos esclarecer para viver de acordo com nosso potencial máximo.

Agora pensemos em viver a nossa vida ao máximo. Qual é a aparência que isso toma? O que surge diante de nós quando vivemos num um espaço de autenticidade verdadeira? Quem nós nos tornamos? Estas são as perguntas que a Lua Cheia de Escorpião está explorando, e embora nem todas possam ser respondidas em um dia, podemos começar a estabelecer a base destas respostas sob essa energia. E temos a maior ajuda possível.

Os outros astros influenciando a Lua

É que quando a Lua rasgar o céu na madrugada de hoje, ela terá a companhia agradável de Netuno, o planeta da imaginação, da espiritualidade e dos chamados mais elevados. Netuno, Senhor dos Mares, está na sua casa, o signo de Peixes, onde estão as profundas águas da alma. O aspecto entre estes dois astros tão ligados em magia e mistério nos convida a jogar e a quebrar feitiços. Podemos seduzir ou hipnotizar. Teremos capacidade de romper o véu dos pesadelos e tomar as rédeas de nossa própria vida. A Lua Cheia ilumina a psique e nos dá as oportunidades de dissolver traumas. O Sol em Touro brilha no lado oposto, vitalizando o que está em sincronia com as leis naturais. O espírito de finais e começos dramáticos está em andamento. A presença de Netuno inspira ir além do conhecido e estar aberto a milagres.

Junto ao Sol, no finzinho de Touro, Mercúrio se aproxima e também se opõe à Lua escorpiana. Isso significa que o pensamento autocentrado e excessivamente racional pode levar a divergências e preconceitos. A Lua Cheia, em um cabo de guerra com Mercúrio, torna mais difícil compartilhar nossos sentimentos por causa do pensamento embaralhado ou polarizado. O Sol unido a Mercúrio significa que nosso pensamento pode se tornar egocêntrico ou excessivamente racional, desprovido de empatia. Argumentos podem resultar de desentendimentos ou preconceitos emocionais, como tribalismo, patriotismo ou racismo. Podemos ter discussões feias, então é bom estarmos atentos. É melhor refletir sobre nossos próprios sentimentos ou traumas.

Refletir sobre tópicos profundos a nosso próprio respeito será produtivo. Plutão em trígono a Mercúrio pode nos influenciar de maneira positiva, ajudando nossa concentração nos temas para nossa autoanálise. Será possível que vivenciamos interações pessoais intensas, ou o aprofundamento/rompimento de um relacionamento. Seja como for, estaremos livres e prontos para o próximo passo. Saberemos investigar profundamente sob a superfície para resolver mistérios ou investigar crimes e segredos – especialmente os nossos próprios.

Vale sempre lembrar que a Lua Cheia está relacionada à Lua Nova anterior. Nossos objetivos traçados na Lua Nova de 4 de maio agora podem ser aperfeiçoados ou completados: é hora da colheita. Podemos fazer ajustes emocionais em resposta a esses novos objetivos. Marquemos na agenda:  a Lua Cheia de 18 de maio dura duas semanas até a Lua Nova de Gêmeos, em 3 de junho.

Um último lembrete: a Lua Cheia de Escorpião marca o feriado ou festival do Wesak para os budistas. É o dia mais sagrado do ano para estes fieis, pois eles acreditam que o Buda nasceu, alcançou a iluminação e morreu nesta Lua Cheia. Resumidamente (aliás, muito resumidamente), o tema de Wesak tem a ver com o desapego e a morte (Escorpião) da forma e da matéria (Touro). Este processo é um dos ensinamentos primários do budismo: a impermanência. Eventualmente, a liberação total do karma leva a pura felicidade. Por isso a Lua Cheia do Wesak sempre pode nos ajudar a dar uma visão profunda sobre a natureza da forma e também nos dar insights sobre novos propósitos sociais para o uso correto da vida material.

Namastê e bom Wesak para todos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s