Dramas da relação podem emergir

Enquanto o Sol e Mercúrio continuam alinhados, temos alguns dias tensos à frente quando o planeta do amor e da harmonia, Vênus, resolve encarar de frente o Senhor das Profundezas, Plutão. Desta vez, seremos atingidos diretamente no coração: nossos relacionamentos sofrerão. Vamos ver como lidar com essa maré, que vai até quinta-feira.

badboyLucasAllmanbypexels
Tipos manipuladores e muitos desafios podem aparecer (Lucas Allman/Pexels)

Plutão é um sujeito difícil de se tratar, ainda mais no signo rígido de Capricórnio. Ao afetar Vênus em Câncer de uma maneira desafiadora, ele pode colocar para fora nossos demônios mais temidos. Podemos nos ver diante de intensas pressões no nosso relacionamento. De repente, nosso par ou nós podemos nos sentir desconfiados, ciumentos, possessivos ou ameaçados. Do nada, começamos a lidar com dramas na relação, devido a jogadas de poder.

Podemos nos sentir compulsivamente atraídos por outras pessoas, até mesmo obcecados por elas de alguma forma. E não será de uma maneira figurada nem inocente. Até mesmo os solteiros à procura de um par devem se precaver nos dates. O problema com Plutão é que ele opera nas sombras e no inconsciente. Então não temos como saber de onde vem o golpe.

Por outro lado, justamente por ser misterioso, Plutão pode nos trazer paixões intensas. A má notícia é que essa paixão pode ser por um bad boy (ou girl) daqueles que usa, abusa e maltrata da gente. Ou então nem precisa ser fisicamente violento, mas pode ser manipulador, tendência a se envolver em atividades criminosas ou ser viciado em drogas. Pelamordosmeusnetinhos, vamos fugir dessa gente! É cilada, Bino.

Climão noir, para quê?

Tem uma chance de estarmos nos sentindo esquisitamente poderosos. Como assim, esquisito e poder? Vou explicar. Plutão pode nos querer sentir o gostinho de um poder meio sombrio tipo “atração fatal” ou apenas ser o “grande chefão”. Pode pintar assim um climão de filme noir, mas não do jeito bom. Exercer esse tipo de poder sobre uma pessoa mais fraca ou vulnerável não é nada legal. Espero que todos estejam cientes de que esse tipo de coisa atrai um daqueles carmas que duram umas duas ou três encarnações para pagar. Fica a dica, tá, gente? É sério. Com Plutão (ou carma) não se brinca.

Estaremos mais sensíveis a qualquer desequilíbrio de poder, especialmente nos nossos relacionamentos amorosos. Se nos sentirmos do lado fraco da corda, poderemos reagir com crueldade ou atacar com frieza. Ou podemos nos sentir do lado forte da corda e começar a entrar numas de masoquismo, ou experimentar dor e humilhação no parceiro. De novo, carma muito ruim. Devemos correr todos dessa tentação.

A maneira mais saudável de lidar com essa tendência cósmica será apelar para a honestidade, sinceridade e humanidade. Não fazer aos outros o que não queremos que façam com a gente. Mas, principalmente, o melhor será ver de onde vêm esses sentimentos irresistíveis. Ao sermos sinceros e abertos, devemos abrir a porta para resolver qualquer problema de controle e poder, e tudo isso sem precisar recorrer a táticas, estratagemas e esquemas. Vamos ser mais light, gente.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s